El Alto, Bolívia tem 1 atitude empreendedora

Cidade na Bolívia cria sistema de transporte inovador por meio de teleféricos

El Alto, cidade mais alta do mundo, criou um sistema que pode se tornar um dos mais ousados dos últimos tempos

O que fazer quando a única opção de transporte entre duas cidades é uma estrada constantemente congestionada e perigosamente sinuosa? Aproveitar as características naturais para solucionar o problema. Foi esse o caso da cidade boliviana El Alto, situada a 4.000m de altitude na região metropolitana de La Paz. A capital da Bolívia se encontra em um vale profundo no meio das montanhas dos Andes. Logo, o teleférico é o meio de transporte ideal para cruzar a grande distância vertical em pouco tempo.

Teleferico-view-800x-5312

O projeto Mi Teleferico, inaugurado em maio de 2014, custou cerca de 234 milhões de dólares e terá 3 linhas de teleférico, 11 estações e um total de 427 gôndolas. Na prática, trajetos que antes eram realizados em 2 horas, demorarão não mais do que 24 minutos.

Até o momento, o número de viagens diárias tiveram uma média de 42.000 usuários, de acordo com a Agência Boliviana de Informação. E dois ajustes ainda são aguardados pelos cidadãos para aumentar ainda mais a adesão: cartões recarregáveis e tarifas pela metade do valor para passageiros com deficiência física.

Quando todas as três linhas estiverem em execução, o Mi Teleférico será o maior sistema de teleférico urbano do mundo.

Quem fez acontecer?

O Mi Teleferico foi uma iniciativa do governo de Evo Morales.

Você também quer transformar sua cidade?

Acesse nossa ferramenta Minha Cidade Empreendedora e saiba mais