Itajaí, SC tem 1 atitude empreendedora

Energia solar ilumina cidade do interior do Brasil

Itajaí (SC) implementa projeto de energia limpa para espaços públicos

O Brasil tem uma posição privilegiada no globo terrestre quando o assunto é energia solar. A irradiação extremamente alta é um sinal verde para o crescimento desse mercado. Apesar da tecnologia ainda não ter se popularizado, existem projetos públicos querendo mudar essa história.

usinasc-solarenergia

Em Itajaí, Santa Catarina, a prefeitura acaba de inaugurar uma usina solar fotovoltaica. Ela foi instalada no prédio Centreventos. Mesmo sendo o estado com menor radiação no país, serão produzidos 7 mil kWh por mês. Mais de 200 painéis vão fornecer um terço do consumo mensal do espaço, que sedia eventos. Se houver excedente, ele vai abastecer a rede convencional como carga suplementar.

Os habitantes  de Itajaí também contam com paradas de ônibus ecológicas. Atualmente, são 22 pontos espalhados pela cidade. Eles são produzidos com uma mistura de materiais como garrafas PET, sacolas plásticas, resquícios de material de informática e casca de arroz. Além de serem 100% reciclados, as estruturas possuem aparência de madeira, o que dispensa pinturas e não apodrecem. Os painéis dos pontos são abastecidos por energia solar e possuem lâmpadas LED, acesas com fotocélula – sensor que percebe a diferença entre o dia e a noite. Graças ao sistema, há autonomia de funcionamento de quatro dias sem irradiação solar direta.

correiodovale_ponto_onibus_ecologico

Esses projetos fazem parte da reurbanização conduzida pela prefeitura de Itajaí, que inclui a construção de ciclovias, remodelação das calçadas e a expansão da captação de energia solar por outros bairros da cidade. Viu só como boas ideias não estão concentradas apenas nas grandes capitais do mundo?